Ser pobre é encher a parede de quadros para esconder os buracos......

veja todos os voos de drone em

www.Zmaro.tv/Drone

 

 

Mais
acessados

Principal

Modelos de
Documento

Receitas

Resumos
de Livros

 Perguntas e Respostas
 Jurídicas

Idéias para
ficar rico

Dicas gerais

Dizem que

Ser pobre é


Memorização

Curso de Memorização

Memorização:
que dia cai?

Demais
Cursos e
apostilas


Gastronomia

carnes

bacalhau

dicas gerais

microondas

 receitas diversas

Receitas

em vídeo

tudo sobre congelamento

vinhos


Download

delivery

palpites para loteria

simulador keno (bingo)

treine digitação

ringtones de graça

Saiba quais números
mais e menos saem
na MEGASENA


Contato

Fale com o Zmaro
e/ou
PobreVirtual

Site do
Programa Zmaro

Vídeos do
Programa Zmaro
Humor inteligente
de forma descontraída...

 
Ação de Reparação de Danos - Veículo Atingido por Pneus de Caminhão


Petições - Ações Indenizatórias
O autor trafegava pela rodovia quando foi atingido pelos pneus traseiros direitos que desprenderam-se do caminhão da empresa ré, que seguia a sua frente, causando sérios danos materiais.



EXCELENTÍSSIMO SENHOR DOUTOR JUIZ DE DIREITO DA .... ª VARA CÍVEL DE ....



................................, (qualificação), inscrita no CGC/MF sob nº ...., em ...., através de seus advogados (instrumento de procuração incluso), com escritório profissional na Rua ..... nº...., onde recebem intimações, vem a presença de Vossa Excelência, propor a presente

AÇÃO DE REPARAÇÃO DE DANOS

contra ....................................., pessoa jurídica de direito privado, inscrita no CGC/MF sob nº ...., estabelecida na Rua .... nº ...., em ...., com fundamento no art. 275, inc. II, letra "e" do Caderno Processual Civil, pelos fundamentos de fato e de direito a seguir aduzidos:

A Autora é legítima proprietária do veículo ...., ano ...., placa ...., cor ...., conforme Certificados de Propriedade que acompanham a presente;

No dia ...., por volta das .... hs, o Sr. ...., gerente de .... da Empresa Autora, trafegava normalmente pela rodovia ...., Km ...., com o veículo acima mencionado e ...., quando surpresiva e inesperadamente, foi atingido pelos rodados traseiros direitos, que desprenderam-se do veículo Caminhão Mercedes Benz, ano ...., Placa ...., cor ...., de propriedade da Requerida, que seguia a sua frente, conduzido pelo Sr. ....

Na ocasião do acidente foi solicitado o comparecimento da Polícia Rodoviária para o registro da ocorrência, o qual, na pessoa do plantonista atendente, preencheu o respectivo boletim, no qual observa-se a culpa da Requerida, por transitar com veículo em mau estado de conservação e segurança, em infração ao art. 181, inc. XXX, letra "p" do Regulamento ao Código Nacional de Trânsito, "in verbis".

"Art. 181 - é proibido a todo condutor de veículo:

XXX - Transitar com o veículo:

"p" - Em mau estado de conservação e segurança."

Corroborando ainda mais a culpa da Requerida, extrai-se do referido boletim, as declarações prestadas pelo condutor de seu veículo, quando afirma "que quebrou a panela do cabo e os pneus do caminhão saíram para trás";

Em conseqüência, os pneus projetaram-se contra o veículo da Autora atingindo a lateral direita e quebrando o vidro da porta, foto anexa, resultando em danos de considerável monta, conforme observa-se dos orçamento inclusos, nos valores totais de R$ ...., realizados pela ...., respectivamente;

Assim, constata-se que a Autora sofreu danos no valor de R$ .... (....), conforme o orçamento de menor valor quantia essa necessária para consertar o seu veículo em .... (data do orçamento), que devem ser integralmente ressarcidos pela Requerida, na forma do estabelecido no artigo 159 do Código Civil, "in verbis"

"Aquele que por ação ou omissão voluntária, negligência, ou imprudência, violar direito ou causar prejuízo a outrem, fica obrigado a reparar o dano".

Dessa forma, restando demonstrada inequivocamente, a culpa da Requerida que por negligência provocou o acidente, acarretando danos e prejuízos à Autora, deve a mesma repará-los integralmente, de conformidade com o orçamento de menor valor entre os dois apresentados, que "in casu", é o fornecido pela Oficina .... valor total de R$ ....

"Ex positis", é a presente para requerer a citação da Requerida, na pessoa de seu representante legal, no endereço mencionado e com a faculdade prevista no art. 172, parágrafo segundo do Estatuto Processual Civil, a fim de comparecer na audiência a ser designada por Vossa Excelência, para, querendo, oferecer contestação à presente, em todos os seus termos, sob pena de presumirem-se verdadeiros os fatos nesta constante, e bem assim, produzir provas.

Requer também, a produção de todas as provas em direito admitidas, especialmente a documental, com juntada de novos documentos, oitiva de testemunhas, ao final arroladas e as quais comparecerão independentemente de intimação, pericial, se necessária for, e o depoimento pessoal do representante da Ré, sob pena de confissão.

Derradeiramente, requer seja a julgada totalmente procedente, condenando a Requerida ao pagamento da quantia de R$ .... (....), acrescida de juros moratórios, correção monetária, contados da data do orçamento, custas processuais e honorários advocatícios, estes na base de 20% sobre o valor da condenação.

Dá-se à causa o valor de R$ .... (....).

Termos em que,

Pede deferimento.

...., .... de .... de .....

..................
Advogado OAB/...

 

Clique abaixo para ver um pouco do Programa Zmaro
Humor inteligente de forma descontraída...

 

De grão em grão a galinha enche o bico!!!
Contribua com o PobreVirtual e Programa Zmaro. Curta, comente e compartilhe o Programa Zmaro nas suas redes sociais.
Envie seus resumos, receitas, dicas, provérbios e o que mais tiver para comaprtilhar no PobreVirtual e no Programa Zmaro. Basta acessar
www.pobrevirtual.com.br/fale
Ou se preferir você pode contribuir financeiramente depositanto qualquer valor em qualquer lotérica (Caixa Econômica Federal): agência 1998, operação 013, Poupança número 8155-0, ou veja outros meios em www.Zmaro.tv/doe 
Livros e cursos são caros, me ajude a aprender novas linguagens para lhe ensinar melhor e incrementar este site com várias novidades. Quando você passar em frente a uma lotérica, lembre-se que existe alguém que precisa muito desta(s) moedinha(s), ponha a mão no bolso e perca alguns segundos do seu tempo e faça um depósito. Pegue aquela moedinha que vai acabar caindo do seu bolso e dê um bom destino a ela.