Ser pobre é tomar danone e guardar o copinho para beber agua......

veja todos os voos de drone em

www.Zmaro.tv/Drone

 

 

Mais
acessados

Principal

Modelos de
Documento

Receitas

Resumos
de Livros

 Perguntas e Respostas
 Jurídicas

Idéias para
ficar rico

Dicas gerais

Dizem que

Ser pobre é


Memorização

Curso de Memorização

Memorização:
que dia cai?

Demais
Cursos e
apostilas


Gastronomia

carnes

bacalhau

dicas gerais

microondas

 receitas diversas

Receitas

em vídeo

tudo sobre congelamento

vinhos


Download

delivery

palpites para loteria

simulador keno (bingo)

treine digitação

ringtones de graça

Saiba quais números
mais e menos saem
na MEGASENA


Contato

Fale com o Zmaro
e/ou
PobreVirtual

Site do
Programa Zmaro

Vídeos do
Programa Zmaro
Humor inteligente
de forma descontraída...

 
CONTRATO DE EDIÇÃO DE OBRA LITERÁRIA

CONTRATO DE EDIÇÃO DE OBRA LITERÁRIA

Pelo presente instrumento particular de contrato, de um lado....., inscrita no CGC/MF sob nº..., com sede na cidade de ...., Estado de...., na rua ....., nº...., neste ato representada por seu sócio...., doravante chamada simplesmente Editora e, de outro lado....., (qualificar), CPF..., residente e domiciliado à rua....,nº..., na cidade de ...., Estado de...., neste ato denominado Autor, têm entre si certo e ajustado as seguintes cláusulas, que mutuamente aceitam e outorgam, por si, seus herdeiros e sucessores:
1. O Autor, tendo elaborado os originais do livro ..., é titular da propriedade literária do mesmo, em condições de autorizar a edição de seu trabalho.
2. O Autor concede à Editora permissão para publicar e comercializar a citada obra.
3. O Autor obriga-se a:
I. responder pela boa origem e autenticidade da obra, assumindo quaisquer responsabilidades com a Editora e com terceiros;
II. assegurar o uso e gozo da obra à Editora, que poderá explorá-la com exclusividade nas edições que fizer;
III. não autorizar terceiros a transcreverem parte da obra sem expressa autorização da Editora;
IV. conceder à Editora opção para promover as edições seguintes da obra, cuja edição está sendo contratada, desde que imediatamente subseqüente a uma que já tenha promovido e desde que o previna com antecedência de ... meses para que possa corrigir ou aumentar a edição anterior.
4. A Editora obriga-se a:
I. imprimir, promover, distribuir e comercializar ... exemplares do mencionado livro, em tamanho ... e em brochura, dentro do prazo de ... meses;
II. ofertar, a seu critério, exemplares de propaganda, sobre os quais o Autor não terá direito a nenhuma remuneração;
III. ofertar ao Autor ... (...) exemplares de cada edição da obra, sobre os quais também não fará jus a qualquer remuneração a título de direitos autorais;
IV. remunerar o Autor na base de ... % (... por cento) sobre o preço de capa de cada um dos exemplares da referida obra efetivamente vendido, entendendo-se por preço de capa o estabelecido pela Editora, pelo qual o livro deverá ser vendido ao consumidor, abatidas das vendas efetuadas, para efeito de cálculo, as devoluções havidas;
V. levantar em cada trimestre o número de exemplares efetivamente vendidos, pagando ao Autor a quantia pecuniária a que tiver direito.
5. Se, após ... anos do lançamento da obra, houver mais de exemplares não comercializados da referida edição, poderá a Editora desfazer-se dos exemplares como quiser, ficando isenta do dever de pagar direitos autorais.
6. As partes contratantes elegem o foro de ..., Estado de ..., para dirimir questões ou litígios resultantes deste contrato, renunciando a qualquer outro por mais privilegiado que seja.
E, por estarem justos e contratados, assinam o presente em ... (...) vias de igual teor, juntamente com duas testemunhas.
Data e assinaturas.
TESTEMUNHAS

 

Clique abaixo para ver um pouco do Programa Zmaro
Humor inteligente de forma descontraída...

 

De grão em grão a galinha enche o bico!!!
Contribua com o PobreVirtual e Programa Zmaro. Curta, comente e compartilhe o Programa Zmaro nas suas redes sociais.
Envie seus resumos, receitas, dicas, provérbios e o que mais tiver para comaprtilhar no PobreVirtual e no Programa Zmaro. Basta acessar
www.pobrevirtual.com.br/fale
Ou se preferir você pode contribuir financeiramente depositanto qualquer valor em qualquer lotérica (Caixa Econômica Federal): agência 1998, operação 013, Poupança número 8155-0, ou veja outros meios em www.Zmaro.tv/doe 
Livros e cursos são caros, me ajude a aprender novas linguagens para lhe ensinar melhor e incrementar este site com várias novidades. Quando você passar em frente a uma lotérica, lembre-se que existe alguém que precisa muito desta(s) moedinha(s), ponha a mão no bolso e perca alguns segundos do seu tempo e faça um depósito. Pegue aquela moedinha que vai acabar caindo do seu bolso e dê um bom destino a ela.