Ser pobre é usar prestobarba descartavél por um mês inteiro......

veja todos os voos de drone em

www.Zmaro.tv/Drone

 

 

Mais
acessados

Principal

Modelos de
Documento

Receitas

Resumos
de Livros

 Perguntas e Respostas
 Jurídicas

Idéias para
ficar rico

Dicas gerais

Dizem que

Ser pobre é


Memorização

Curso de Memorização

Memorização:
que dia cai?

Demais
Cursos e
apostilas


Gastronomia

carnes

bacalhau

dicas gerais

microondas

 receitas diversas

Receitas

em vídeo

tudo sobre congelamento

vinhos


Download

delivery

palpites para loteria

simulador keno (bingo)

treine digitação

ringtones de graça

Saiba quais números
mais e menos saem
na MEGASENA


Contato

Fale com o Zmaro
e/ou
PobreVirtual

Site do
Programa Zmaro

Vídeos do
Programa Zmaro
Humor inteligente
de forma descontraída...

 
Contrato Social - Sociedade em Nome Coletivo - Solidária - 3 sócios - Um Sócio Representado por Procuração

Contrato Social - Sociedade em Nome Coletivo - Solidária - 3 sócios - Um Sócio Representado por Procuração

INSTRUMENTO DE CONTRATO SOCIAL
LUIZ ALBERTO DA SILVA, brasileiro, casado no regime de comunhão parcial de bens, empresário, residente e domiciliado na cidade de Curitiba, na rua Vasco Alves nº 567,CEP..........Carteira de Identidade RG 20876-SSP-RS, CIC 134876923-01;
VILSON PONTES, brasileiro, solteiro, nascido em 11/11/1985, emancipado, empresário, residente e domiciliado na cidade de Toledo, na rua Benjamim Constant nº 765, CEP..........Carteira de Identidade RG 31798-SSP PR, CIC 157768923-01;
DANIEL CASTILHOS, brasileiro, casado no regime de comunhão total de bens, empresário, residente e domiciliado na cidade de Cascavel, na rua Osvaldo Cruz nº 78, CEP........Carteira de Identidade RG 56987-SSP - PR, CIC 176538675-01, representado neste ato por seu procurador Abelardo Costa, brasileiro naturalizado, casado, contador, residente e domiciliado na cidade de Curitiba, na rua Protásio Alves 876, tem entre si justa e contratada a constituição de uma sociedade solidária ou em nome coletivo, que será regida pelas seguintes cláusulas:
PRIMEIRA: A sociedade girará sob a razão social de SILVA, CASTILHOS & CIA., e terá sua sede social instalada na rua Santa Cruz nº 1987, na cidade de Curitiba, Estado do Paraná.
SEGUNDA: O objetivo da sociedade será o comércio por atacado e varejo de cereais, inseticidas, calcário e a representação por conta própria e de terceiros de adubos e fertilizantes.
TERCEIRA: O capital social será de R$ 100.000,00 (cem mil reais), que será subscrito e integralizado pelos sócios da seguinte forma:
a) Luiz Alberto da Silva concorrerá com R$ 40.000,00 (quarenta mil reais), representando 40% do capital social, que serão assim integralizados:
R$ 30.000,00 (trinta mil reais) representados por máquinas e equipamentos neste ato; R$ 10.000,00 (dez mil reais) em moeda corrente nacional, neste ato;
b) Vilson Pontes concorrerá com R$ 30.000,00 (trinta mil reais), representando 30% do capital social, em moeda corrente nacional, neste ato.
c) Daniel Castilhos concorrerá com R$ 30.000,00 (trinta mil reais), representando 30% do capital social, em moeda corrente nacional, que serão integralizados na seguinte maneira:
R$ 15.000,00 (quinze mil reais) neste ato;
R$ 15.000,00 (quinze mil reais) segundo as necessidades da sociedade, porém no prazo máximo de dois anos.
QUARTA: Os sócios respondem solidária e ilimitadamente pelas obrigações sociais.
QUINTA: A administração da sociedade será exercida pelos sócios Luiz Alberto da Silva e Vilson Pontes, em conjunto ou separadamente, tendo amplos poderes para o desempenho de suas funções, estando impedidos, entretanto, de usar o nome ou em nome da sociedade praticar atos contrários e diferentes do objetivo social.
PARÁGRAFO ÚNICO: Os administradores declaram que não estão sendo condenados a pena que vede, ainda que temporariamente, o acesso a cargos públicos; ou por crime falimentar, de prevaricação, peita ou suborno, concussão, peculato, ou contra a economia popular, contra o sistema financeiro nacional, contra as normas de defesa da concorrência, contra as relações de consumo, a fé pública ou a propriedade, enquanto perdurarem os efeitos da condenação.
SEXTA: O prazo de duração da sociedade será por tempo indeterminado.
SETIMA: Os sócios que exercerem funções na sociedade terão uma retirada mensal, a título de "pro labore", estipulada anualmente, de comum acordo, obedecendo ao limite permitido pela legislação do Imposto de Renda em vigor.
OITAVA: Anualmente, em 31 de dezembro, será levantado um balanço geral. Havendo lucros, poderão ser distribuídos entre os sócios na proporção de suas participações no capital, ou permanecer em conta de resultado, para posterior destinação. Em caso de prejuízo, este ficará em suspenso para compensação com resultados positivos futuros.
NONA: Os sócios não poderão ceder nem transferir sua participação na sociedade a terceiros sem o expresso consentimento dos outros, que terão o direito de preferência.
DÉCIMA: As deliberações sociais serão tomadas pelos sócios que representem a maioria do capital social, observado o que determina o art. 999 do Código Civil.
DÉCIMA PRIMEIRA: Em caso de retirada ou morte de um dos sócios, a sociedade não se dissolverá, sendo que o "de cujus" poderá ser substituído por seus herdeiros ou representante legal, mediante concordância dos sócios remanescentes.
Se à sociedade ou aos herdeiros não interessar sua participação na mesma, deverá ser efetuado um balanço geral, no máximo 30 (trinta) dias após o evento, e será apurado o que de direito à parte retirante, organizando-se um esquema de pagamento compatível com a disponibilidade da sociedade; da mesma forma se procederá para com o sócio que desejar retirar-se da sociedade.
DÉCIMA SEGUNDA: Os casos omissos ou dúvidas que surgirem serão dirimidos na forma da legislação aplicável, elegendo os contratantes, desde já, o foro de Curitiba, PR.
E por assim estarem justos e de acordo, assinam o presente instrumento de contrato social, em 5 (cinco) vias de igual teor e forma, na presença e juntamente com duas testemunhas.
Localidade e data
Luiz Alberto da Silva
___________________
Vilson Pontes
___________________
PP Daniel Castilhos
TESTEMUNHAS:
___________________
Nome e identidade
___________________
Nome e identidade
Visto do advogado

 

Clique abaixo para ver um pouco do Programa Zmaro
Humor inteligente de forma descontraída...

 

De grão em grão a galinha enche o bico!!!
Contribua com o PobreVirtual e Programa Zmaro. Curta, comente e compartilhe o Programa Zmaro nas suas redes sociais.
Envie seus resumos, receitas, dicas, provérbios e o que mais tiver para comaprtilhar no PobreVirtual e no Programa Zmaro. Basta acessar
www.pobrevirtual.com.br/fale
Ou se preferir você pode contribuir financeiramente depositanto qualquer valor em qualquer lotérica (Caixa Econômica Federal): agência 1998, operação 013, Poupança número 8155-0, ou veja outros meios em www.Zmaro.tv/doe 
Livros e cursos são caros, me ajude a aprender novas linguagens para lhe ensinar melhor e incrementar este site com várias novidades. Quando você passar em frente a uma lotérica, lembre-se que existe alguém que precisa muito desta(s) moedinha(s), ponha a mão no bolso e perca alguns segundos do seu tempo e faça um depósito. Pegue aquela moedinha que vai acabar caindo do seu bolso e dê um bom destino a ela.